30 novembro, 2008

Laqueação de Trompas

Desta vez vamos falar sobre laqueação das trompas que é o contraceptivo cirúrgico utilizado na mulher e que provoca a sua esterilização.
Semelhantemente ao que acontece na vasectomia, na laqueação de trompas efectua-se o corte ou bloqueamento das vias genitais femininas (trompas de falópio), de modo a impedir a passagem dos oócitos II. Em vez do corte ou estrangulamento, também se podem queimar as trompas ou usar fios de sutura para cozê-las, entre outros.



É um tratamento muito seguro e eficaz, mas requer internamento e a realização por um médico especialista porque, se a cirurgia não correr bem, a mulher pode sofrer uma menopausa precoce, algo que é irreversível.
É preciso ter em conta que, apesar de possível, a cirurgia de reversão implica riscos acrescidos e um menor sucesso quanto maior for o tempo entre a laqueação e a reversão. Os processos mais fáceis de reverter são aqueles em que se usa um anel de plástico ou um clipe de titânio, porque lesionam menos o tecido das trompas.


Para aquelas mulheres que se arrependem de ter feito a laqueação de trompas, mas não se querem sujeitar à cirurgia de reversão, existe sempre o recurso à fecundação in vitro (FIV) ou à inseminação artificial (IA), que são processos de PMA que iremos abordar mais tarde. Mas com estes processos as mulheres não se tornam férteis novamente.
Como tal, antes de recorrerem a uma laqueação de trompas, devem ponderar bem certos aspectos, como por exemplo, terem noção do que será o vosso futuro, ter conhecimento daquilo a que se vão sujeitar e quais as suas consequências e, caso decidam avançar, procurem um médico de confiança.

DESAFIO!
As estatísticas mostram que o número de laqueações de trompas é muito superior ao número de vasectomias. Porque será?

21 comentários:

Anónimo disse...

Talvez porque embora requeira internamento e seja um pouco mais dolorosa que a vasectomia,a maioria das mulheres a faz na altura do parto, principalmete se for cesariana.É o chamado dois em um.

Cláudia disse...

O número de laqueações de trompas é muito superior ao número de vasectomias, essencialmente, por dois motivos: primeiro, pelo facto da gravidez ocorrer na mulher; segundo, pelo facto dos homens ainda serem muito machistas e orgulhosos com os seus "talentos" sexuais, o que faz com que pensem que, se recorrerem a este método, as suas capacidades possam ser afectadas (neste caso, deve-se a falta de informação).

António disse...

Eu concordo com o que a Cláudia disse. Principalmente com o segundo ponto.
Eu sou homem e admito que não seria fácil admitir aos meus amigos que fiz uma vasectomia. Por isso, se a minha mulher concordasse, eu talvez pedisse para ser ela, e não eu.

Jannett - Future Landscape disse...

Eu acho que, para além do orgulho masculino, este facto também se deve ao tal 2 em 1 que o anónimo referiu... Até porque a minha mãe fez isso quando eu nasci... ;)

Saudações cientificas

Anónimo disse...

A história ainda nos pesa. A gravidez ainda continua a ser um assunto maioritariamente feminino, que afecta essencialmente a vida das mulheres. Em contrapartida macho que se preze poderá ser estéril?
Quem sabe daqui a uns bons anos as mentalidades mudem e os tratamentos comecem a ser partilhados. Se procurarem um bocadinho não estamos longe do tempo em que a esterilidade era um problema que os homens sacudiam com a maior das facilidades com um simples "a minha mulher não me dá filhos".
Vamos evoluir, ah?
Teresa Hilário

Anita disse...

Concordo com o que a Teresa disse. É de facto verdade. Se nós formos ver no livro de José Saramago que temos de ler, neste 12º ano, a causa do rei não ter filhos era da mulher. E não percisamos de ir tão longe, é só um exemplo.

Anónimo disse...

Eu não entendo qual é o problema do homem fazer uma vasectomia. Porque é que tem de ser sempre a mulher?
Sinceramente, e isto é um pensamento um bocado pateta visto que também deve ser algo controlado pela mulher, mas usar preservativo dá-me um certo gozo. Como é um metodo contraceptivo masculino é menos uma preocupação para as mulheres.

Anónimo disse...

Não é menos uma preocupação, é menos uma coisa que nos calha a nós, mulheres.

Anónimo disse...

tenho uma amiga que queria realizar a cirurgia de inversao da laqueaçao das trompas, sabem de algum hospital que faça essa cirurgia nas zonas de lisboa, setubal e cascais?

se souberem, por favor mandem para o mail debora_fixee@hotmail.com

se possivel com o nome do hospital, numero de telefone e idade limite para realizarem essa cirurgia

obrigado pela atençao e cooperaçao

Anónimo disse...

Boa tarde gostaria muito que alguem me dissesse o que devo fazer ou onde devo ir para tratar de fazer a reversão da laqueação.
Se alguém souber que hospital faz por favor mande-me para o email cristina.s.garcez@gmail.com

cris disse...

eu fiz o estragulamento com 20 anos e agora eu tenho 29 e gostaria de reverter essa cirugia e ter outro filho sera que e possivel se alguem souber algum hospital a qui em salvador manda o nome pra mim perdir minha filha de 13 anos por causa de bala perdida e tenho um menino de 10 anos mais gostaria de ter outra menina cris-dos@hotmail.com

Anónimo disse...

ola
De vez em quando venho aqui, ver alguns testemunhos, sobre de quem fez a cirurgia de laqueação de trompas, e porquê? Porque o arrependimento é muito grande, nunca o deveria ter feito e agora tenho 41 anos e queria muito...
Se já realizaste a tua cirurgia, gostria de saber como correu! Obrigada se aceitares contar como foi, se for o caso...
podes deixar comentario nesta pagina.

Anónimo disse...

boa noite Claúdia eu gostaria de saber se já fizeste a reversao e como correu e onde foi e preço. eu fui obrigada a fazer uma e arrependo-me imenso pois quero ter outro filho em breve e quero saber onde fizeste a operaçao e quais os preços.deixa o teu comentario no msn
micaelasexy123456@hotmail.com

Anónimo disse...

Minha namorada fez estrangulamento das trompas e toma anteconcepcional,mais transamos sem camisinha sera que ela pode engravidar?

Anónimo disse...

Minha namorada fez estrangulamento das trompas mais ela que saber se pode toma anteconcepcinal?

Anónimo disse...

Bem, vim parar aqui a este blog, especialmente porque ando a fazer pesquiza sobre laqueação definitiva. Ando sériamente a pensar nisso. Parece-me que os métodos contraceptivos normais que são mais eficazes,são os que de momento me estão a por a saúde em risco. Gostava de parar com esta contaminação gradual á minha saúde, enquanto ainda vou na casa dos 30. Gostaria de saber se alguem que já fez ou pensa fazer ,e se estaria desponivel para partilhar comigo alguma informação sobre riscos ,custos e hospitais públicos e/ou clinicas privadas onde se possa fazer.
Agradecia o contacto para o email :
claudiasm.1978@hotmail.com

Anónimo disse...

Oi vim parar por aqui por acaso e achei muito interessante as intervenções de todos. Estou gravida de gémeos, são os meus primeiros filhos e foi uma surpresa que me foi pondo nas nuvens com o tempo, sempre tive o apoio do meu marido porque ele sempre demonstrou que me ama, mas teve uns percalços antes de mim que o pôs na defensiva e num belo dia perguntou se eu tinha a certeza que os filhos eram dele. O que senti foi uma tristeza indescritível. Já o avisei que quando os meus filhos nascerem vou submete-Los a um teste de DNA. Porque nao suportaria que ele olhasse para os meus filhos com disconfiança. Continua a me apoiar mas agora eu vejo que ele nao esta a curtir a chegada dos bebes como eu, passa a mão na minha barriga rápido como todo o mundo mas nao com a emoção de pai. Os meus filhos tem mãe mas os coitados nao tem pai. Por isso penso seriamente em laquear as trompas, jamais irei sujeitar os meus filhos a situações como estas, o teste quando sair se calhar ele vai olhar os meus filhos de forma diferente mas o facto dele pensar na possibilidade dos bebes nao serem dele jamais esquecerei, sei que vou carregar essa lembrança para o resto dos meus dias. Sinto pena dos meus filhos, inocentes mas a pagar por erros e atitudes de outras pessoas. Jamais ninguém vai me fazer passar nem a mim nem aos meus filhos a isso. Hei-de fazer a laqueação porque nao quero voltar a passar por isso nem a sentir o que sinto agora. Nenhum homem me vai voltar a perguntar se é o pai de um filho meu

Anónimo disse...

Olá. Gostaria de saber se há alguma mulher que efectuou a laqueação e que voltou a engravidar. Se houver algum testemunho agradecia que respondesse para o e-mail donovansilva@hotmail.com

Obrigado

Anónimo disse...

Anonima (Mocambique)

Ola, fiz laqueacao das trompas faz mais de 10 anos, hoje gostaria de fazer uma inseminacao artificial, pois gostaria de ter mais filhos, sera que o metodo eh seguro ? agradeco qualquer informacao neste ambito . muito obrigado

Anónimo disse...

ola boa noite. fiz laqueacao sem problema algum. a recuperacao varia de mulher pra mulher mais ao menos 15 dias e ja passou:) tenho colocados os chamados aneis. faco a minha vida normal. mas quem estiver a pensar fazer pondere bem. no meu caso tive todo o apoio do meu marido.

giselia maria pinto disse...

Boa noite , tenho três filhas e dois anos depois da minha filha mais nova nascer fiz laqueação tubar . Passados dois anos descubro que estou novamente gravida . Pelos vistos não é tão eficaz nem seguro